sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

BOA NOITE VIDA!!!!


Gosto de encarar olhares bonitos, 
que não tem medo de serem vistos e de enxergarem além. 
Não são só os olhos coloridos que me chamam atenção, 
mas aqueles que carregam consigo todo o mistério da essência de seu dono ou sua dona. 
Gosto desses olhares porque eles me completam, 
me arrepiam da cabeça aos pés e me fazem desejar aprofundar-me em seus mundos particulares, em seus pequenos infinitos.
Roubam-me a atenção os olhares perdidos em seus segredos,
cheios de timidez e ávidos por paixões incompreendidas. 
Me encantam olhares cinzentos, por vezes tristes, 
porque são deles que escorrem as mais lacrimosas poesias que posso ler, donas de um silêncio inconfundível, inigualável...

Gosto desses silêncios,
porque neles me declaro apaixonado 
e ouço as declarações que jamais esperaria ouvir. 
Reconheço silêncios por parte, inteiros e complementares,
desde aqueles que se rasgam por dentro 
para clamar por suas respostas e palavras, 
Até aqueles que se resguardam 
por um momento mais reservado em si mesmos...

Gosto de olhares que me cortem o silêncio,
e do silêncio que recai sobre aquele olhar trocado sem querer.
Gosto de me perder em olhares magníficos,
e admirar a magnífica beleza do silêncio
 ao encarar o belo olhar que me comove

Um comentário:

  1. Dama,olhares que vagam,que buscam e encontram...seu belo texto

    ResponderExcluir